jump to navigation

As 10 maiores crises econômicas setembro 20, 2008

Posted by portaldoestudante in Notícias.
Tags: , , ,
trackback

Retirado de www.recantodaspalavras.wordpress.com

Como nos últimos dias vem sendo noticiado que uma crise econômica de grandes proporções varrerá o mundo nos próximos meses (talvez anos), nada mais interessante do que ver quais foram as dez maiores crises econômicas dos últimos tempos. A ordem da lista é inversa, isto é, da última para a primeira, para criar aquele clímax, o mesmo que faz com sejam vendidas ou compradas ações após um breve espirro no mercado internacional.

10) Wall Street 1901-03: -46%
O mercado foi assombrado pelo assassinato do presidente McKinley, em 1901, juntamente com uma grave seca meses depois, no mesmo ano.

9) Wall Street 1919-21: -46%
Havia receio de que o novo setor automobilístico se tornaria sobreaquecido, imaginando que a produção de automóveis chegara ao estágio da saturação.

8] Wall Street 1906-07: -48%
O mercado arrepiou-se todo após o presidente Theodore Roosevelt ter ameaçado manter na rédea curta  os monopólios que floresceram em diversos setores industriais, principalmente no setor ferroviário.

7) Wall Street 1937-38: -49%
Uma baixa excessiva dos preços foi motivada pela política do New Deal de Franklin Roosevelt.

6) Londres 2000-2003: -52%
O Reino Unido assumiu o sexto lugar na tabela do mercado ao cair 52% entre 2000 e 2003 como os investidores sofreram as conseqüências do colapso da bolha da teconologia.

5) Hong Kong 1997-98: -64%
O mercado acionário de Hong Kong sofreu uma pesada queda em 1997-1998 após a deserção dos chamados Tigres Asiáticos, países emergentes da Ásia.

4) Londres 1973-74: -73%
Crise do petróleo, quando os países da OPEP decidiram elevar os preços do produto de uma hora para outra. A bolsa de Londres caiu 73%.

3) Japão 1990-2003: -79%
Em terceiro lugar, com um declínio 79%, foi o mercado acionário japonês, que sofreu uma prolongada queda de preços entre 1990 e 2003, o que se transformou num pesadelo deflacionário.

2) E.U.A Nasdaq 2000-2002: -82%
O fim da bolha das empresas .com, que surgiram e terminaram rapidamente.

1) Wall Street 1929-32: -89%
A maior de todas as crises econômicas, que fez a bolsa de New York cair 89% entre 1929 e 1932. Foi a explosão da bolha especulativa, quando pessoas e empresas pegavam empréstimos para comprar ações, que foram vendidas sem qualquer critério, levando a diminuição drástica dos preços na bolsa de valores. Fortunas foram perdidas da noite para o dia.

  • David Shwartz, historiador especializado no mercado acionário, diz que “A estagnação do mercado acionário são desencadeados invariavelmente por uma série de diferentes eventos que acabam por se encadear. Por exemplo, a crise do mercado acionário de 1973-74 na Inglaterra, teve início no temor da estagflação (desemprego + aumento de preços) , seguida pela elevação do preço do petróleo, uma greve de mineiros e a queda do primeiro-ministro Edward Heath, do partido Conservador.

(Esta lista só inclui crises das bolsas em economias industrializadas.)

Anúncios

Comentários»

1. Eremita - fevereiro 15, 2009

Muito bom


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: