jump to navigation

Polícia tem mais provas contra pai e madrasta de Isabella abril 20, 2008

Posted by portaldoestudante in Notícias.
Tags: , , , , ,
trackback

Polícia tem mais provas contra pai e madrasta de Isabella

Tempo entre chegada da família e o crime derruba, segundo a investigação, de que uma pessoa desconhecida tenha entrado no local do crime

Os policiais que investigam a morte da menina Isabella Nardoni consideram ter encontrado mais provas que reforçam a tese de que a menina foi estrangulada pela madrasta e atirada pela janela pelo pai.

Para tirar as últimas dúvidas, decidiram fazer uma reconstituição do crime. O casal de suspeitos será convocado a participar, mas eles têm o direito de se recusarem. A reconstituição deve acontecer na sexta-feira.

Isabella morreu ao ser atirada do apartamento onde vivia seu pai, Alexandre Nardoni, a segunda mulher dele, Anna Julia Jatobá, e dois filhos do casal. Os cinco haviam chegado no prédio, que fica na Vila Mazzei, zona norte de São Paulo, no dia 29 de março, sábado, à noite, entre 23h10 e 23h37, dependendo de quem dá a informação. Às 23h49, depois da queda da menina, Nardoni e a mulher fizeram o pedido de socorro ao Corpo de Bombeiros.

Nesse período, a polícia afirma ter chegado a várias conclusões. Segundo o Diário de S. Paulo, com base em informações do aparelho GPS do carro da família, concluiu que, entre a chegada da família ao prédio e a chamada da Unidade de Resgate para socorrer a criança, passaram-se 12 minutos. e não quase 40, como disse um dos suspeitos.

Segundo a investigação, nesse tempo, aconteceram, entre outros fatos, os seguintes. O pai ou a mãe ou ambos levaram Isabella ao apartamento. Lá ela foi estrangulada por cerca de três minutos, a menina levada para o seu quarto, a tela foi cortada e Isabella foi arremessada pela janela, os pais subiram ao apartamento e depois desceram para telefonar, primeiro para avisar os pais e depois para chamar o resgate.

Pela versão dos pais, que atribuem a morte a uma terceira pessoa, precisaria ser incluído também, o tempo que o tal suposto assassino levaria para deixar o apartamento sem ser apanhado.

A polícia considera praticamente impossível, por isso, a versão de que foi uma terceira pessoa que tenha praticado o crime. Outro fato que reforça a tese é que foram feitas tentativas de apagar manchas de sangue do chão e do carro, e foram lavadas uma fralda e uma toalha usadas para limpar um corte de dois centímetros na testa de Isabella.

Também aponta na mesma direção a presença de micropartículas de náilon e fuligem da tela presentes na camisa que Alexandre Nardoni. usava naquele dia. Segundo os peritos, os vestígios só poderiam ficar gravados na roupa se o suspeito tivesse pressionado o corpo fortemente contra a rede. Os peritos afirmam que isso é compatível com a hipótese de o pai ter se debruçou para jogar a filha. Há também uma pegada no lençol compatível com seu sapato.

O laudo mostra que Isabella foi colocada no buraco da tela com as pernas flexionadas e jogada pelas mãos. Para cortar a tela, o criminoso subiu nas camas dos irmãos da menina, escorregou duas vezes e se ajoelhou. Pelo rastro de sangue no apartamento, feito a partir de uma altura de 1,25 metro do chão, a perícia conclui que Isabella estava no colo de uma pessoa com estatura compatível com a do pai.

Na sexta-feira, após 20 dias de investigação, Nardoni e Jatobá foram indiciados por homicídio doloso triplamente qualificado. O inquérito continua e por isso o Ministério Público ainda não fez a denúncia.

Vote no Portal do Estudante no TOP30. Clique aqui para votar!

Comentários»

1. marcel - abril 22, 2008

para mim ja esta mais do q provado ja q eles sao culpados
tem q fika preso e morre la dentro logo nos primeiros dias

2. Neuza Coelho - abril 28, 2008

Oi!

Muito triste saber que o pai matou a sua propria filha indefesa.
A policia não comentou um simples fato! Quem estava no banco traseiro do carro onde Isabella foi brutalmente machucada na testa, se o pai da criança estava no volante conduzindo o veiculo?
Na minha opinião o crime foi iniciado pela madrasta da menina, por motivos de ciumes.Qdo viu a menina muito ferida que ele obviamente concordou com o fato,começou a ajudar a Anna Carolina à acabar com a vida de Isabelle sem dó e piedade. Monstros.

3. Neuza Coelho - abril 28, 2008

Oi!

Não podemos jugar as pessoas, mais este caso esta mais que claro, Foram Os dois monstros que mataram a querida e indefesa Isabelle. Esta mais que provado.

São Monstros……

Apodrece na cadeia, que os policiais muitos respeitosos policiais coloquem eles em uma cela adequada para eles,que os outros detentos cuide deles bem direitinho…. Este aqui são os monstros que assassinaram uma criancinha indefesa… Cuide deles…. sem comentários.

4. Neuza Coelho - abril 28, 2008

Parabéns aos nossos Policiais Brasileiros…Competentes…

Parabéns: Caso esclarecidos em curto prazo, recorda da menina que tb foi assassinada em Portugal qdo os país sairam para jantar,( depois de assassinarem apropria filha claro)recordam? este caso não foi esclarecido ainda e olha que são estranjeiros, país de primeiro mundo.Parabéns a nossa policia Brasileira.
Muito admirados e respeitados…

5. Jaqueline - maio 20, 2008

Parabens ao Sr. Promotor Dr. Cembranelli,ao IC de São Paulo e a policia de um modo geral.Para FATOS não há ARGUMENTOS.Duas pessoas frias e sem indole,dois covardes,tiraram a vida de uma inocente linda,uma menina que esbanjava felicidade naquele sorriso gracioso que era o da pequena Isabella.Acabaram com a vida da familia dessa mãe,avó,tio,avô etc….A justiça esta sendo feita ao pé da letra e a condenação máxima virá em breve.Eles devem apodrecer na cacdeia,com pão e agua.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: